O esforço de Jormungand em querer ser legal

Tentaram tanto forçar essa história de menino sem emoção, antes da metade do anime eu já não aguentava mais olhar pra essa cara.

Antes de tudo, a coisa que eu menos gostei em Jormungand foi o character design. Todo mundo tem os olhos apertados e esse sorriso babaca no rosto, como se todo mundo tivesse Down ou fosse uma paródia daquele sujeito do flan. Deveria ser alguma ironia? “Eles são responsáveis pela morte de um bocado de gente e parecem estar se divertindo, gostando da situação, enquato pessoas normais ficariam enojadas.”? Eu não sei.

Por legal eu não quero dizer o contrário de chato. Eu quero dizer que tentou demais ter cenas de ação espetaculares, aquelas que faz o seu queixo cair, tal qual em Gurren Lagann. Mas enquanto GL é uma comédia em que tudo é exagerado por um bom motivo, Jormungand se vende como um anime realista, e essa inconsistência entre as cenas de ação sem lógica e o pretenso realismo que o anime tenta passar é o que acaba com a série.


Veja, Jormungand é um anime de ação sem boas cenas de ação. Elas são totalmente sem lógica ou sentido; eu nem menciono o problema da munição infinita, mas várias inconsistências, como pessoas correndo em direção uma da outra atirando e não conseguem acertar, gente totalmente descoberta e que nunca é atingida mas policiais escodidos são mortos com um disparo, esse tipo de coisa. É como se as cenas de ação não tivessem sido planejadas, e foram apenas feitas da maneira mais legal possível.

Não que isso estrague a estória, pois na verdade não há uma. Não existe nehuma indicação de um grande enredo, apenas mini-arcos de um ou dois episódios. Apesar de o objetivo do anime ser óbvio, que é ver Koko se seu grupo perseguir seu sonho de alcançar a paz mundial(exterminando toda a humanidade, presumido pela reação da Chinatsu no quarto episódio, quando Koko conta pra ela qual é o seu sonho. Jormungand não é lá muito sutil. Se bem que faz sentido, elimine os humanos, elimine as guerras).

Uma coisa engraçada é como o anime quer que nós acreditemos que os protagonistas são realmente bonzinhos. Eu explico: quase todo antagonista é uma pessoa malvada, como se pra mostrar que os protagonistas estão na verdade do lado da justiça. Isso na verdade é uma falta de respeito com o público, como se a audiência só fosse se importar com os protagonistas se ele estiverem do lado do bem, e não por quem eles realmente são. Se fosse realista do jeito que diz que é, Jormungad teria apostado numa moralidade cinza, onde nada é definido e os personagens seguem um código moral próprio, sem serem forçados a serem heróis.


Eu não posso reclamar sobre os personagens, pois eles são justamente o que você ia esperar desse tipo de anime. É basicamente a mesma noção de Black Lagoon, um grupo de gente que aparentemente tinha uma vida normal, mas que algo deu errado no caminho, e agora eles são o que são. Simples e direto. Mesmo assim, embora a série seja mais sobre o relacionamento entre Koko e Jonah(ou Jonah e a introdução dele a esse novo mundo), eu queria que o resto do grupo tivesse tido maior destaque, que eles tivessem uma caracterização além de serem mais gente pra apertar gatilhos.

Curiosamente, a personagem mais mal apresentada é a própria Koko. Todos os outros membros do grupo tem um episódio dedicado a si(alguns bons, outros ruins), mas Koko é a única deixada no vácuo. O passado e, principalmente, as motivações dela, são totalmente desconhecidos.

A segunda temporada de Jormungad chega em outubro, e eu obviamente vou assistir, meu TOC me obriga. O anime não vai mudar seu estilo de narrativa ou direção, óbvio. Se apresentar os personagens, principalmente Koko, de maneira decente, já será lucro.

Anúncios
Esse post foi publicado em Animes e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s