Eden no Ori é fantástico


Um acidente de avião faz com que seus passageiros aterrissem em uma ilha aparentemente deserta, e a partir daí começa uma corrida para tentar sobreviver às criaturas que vivem por lá, bem como tentar resolver os mistérios da a ilha e achar um meio de escapar com vida.

Essa é uma sinopse básica de Eden no Ori(ou Cage of Eden). Obviamente, qualquer coisa pode ser simplificada ao máximo escondendo sobre o que realmente se trata, e embora essa mísera linha seja um resumo perfeito da estória geral do mangá, ela esconde a execução brilhante que a estória teve.

É impossível fugir de comparações com outras séries survival, como Highschool of the Dead ou até mesmo Sword Art Online, pois envolve um grupo de jovens tentando enfrentar situações inóspitas. Mas enquanto HOTD foi lentamente sendo esquecido(tanto pelos fãs quanto pelos autores) e SAO mostrou ser qualquer coisa, menos um survival, Eden no Ori mostrou ser um material ótima qualidade.

Pra começar, e talvez esse seja o principal aspecto do mangá, a narrativa é incrivelmente envolvente. Mostra o quanto a série é bem construída e escrita, sinal de que o autor sabe o que está fazendo. A estória principal é composta tanto de arcos baseados no enredo quanto nos personagens, e eles vão se alternando e se misturando, numa hora um acontecimento que move o enredo, numa hora algo que desenvolve tanto um personagem quanto a estória em si, etc. O enredo é totalmente fechado, sem nenhuma ponta solta, e existem várias revira-voltas e revelações que mantém a narrativa dinâmica em um ritmo bem acelerado, sem parecer forçado.

Eu não sei pra onde olhar!

Eden no Ori também tem uma construção formidável da ambientação, onde é mostrado várias vezes ao longo da estória que não existe esperança, que o tempo passou e nenhum socorro veio, que a melhor maneira de se escapar das desgraças da ilha é a morte. De certo modo, Eden no Ori é uma série de horror, mas não por causa das mortes violentas, mas por esse sentimento de desconforto e terror psicológico que impõe a seu elenco.

A arte é um meio ponto. Embora o traçado de Yoshinobu Yamada seja agradável, não apresenta nenhuma inovação ou característica marcante, nenhum diferencial. Poderia ser melhor definido como genérico, e é o que seria, não fosse um detalhe especial: os designs dos monstros. Tudo bem, são criaturas de milhões de anos atrás e que já não existem mais, não drações ou coisas do tipo, mas não existe melhor palavra para descrevê-los do que monstros. Sendo animais extintos, dos quais só se conhecem os esqueletos e não existe nenhuma base real para inspirar os desenhos, esse elemento se destaca porque é fascinante como as expressões faciais dos monstros são capazes de emitir emoções ou causar desconforto.


Você tem idéia do quanto é difícil fazer um animal expressar emoções de uma maneira não caricatural? Ainda mais um animal extinto. Mesmo assim o design dos animais é capaz de realizar tal feito. Não só as expressões faciais, mas os animais em si também são muito bem desenhados e se destacam no que seria algo relativamente simples se tratando de arte.

Um ponto fraco talvez seja a maneira com que os personagens são manuseados. Eden no Ori tem um elenco grande demais, e só foca em um pequeno grupo de pessoas, de modo que os outros se tornam apenas “carne para canhão”, ou seja, não terão influência nenhuma nos acontecimentos da série, mas serão os primeiros a sofrer suas consequências. Ou os primeiros a morrerem quando um animal particularmente violento atacar.


Não há de ser um grande problema, já que a caracterização do núcleo principal é bem boa(destaque para a história dos gêmeos Airi e Kairi). Curiosamente, como boa parte do elenco são adolescentes, a maior parte do desenvolvimento se dá mostrando a relação dos personagens com seus pais, exceto de alguns, que são mostradas as relações deles com seus interesses românticos. É o exemplo de Rion. Não existe ninguém que realmente se destaque, tudo bem que existe o líder do grupo e tudo mais, mas dá pra perceber que cada personagem dá sua colaboração, cada um deles tem algo a adicionar ao grupo, seja em inteligência e raciocínio ou habilidade atlética, cada personagem tem sua chance de brilhar.

Eden no Ori ainda está em publicação, embora seja visívelq ue está se aproximando do fim. Os mistérios envolvendo o verdadeiro propósito da ilha estão perto de ser descobertos. O que só significa que a espera semanal pelos capítulos será angustiante.

Anúncios
Esse post foi publicado em Mangás e marcado , . Guardar link permanente.

3 respostas para Eden no Ori é fantástico

  1. logan1234567 disse:

    este mangá ja terminou tem 5 anos e os caras estão traduzindo o que mesmo? esperando mesmo o que para traduzirem tudo de uma vez? ridículo, mais ridículo é o site que tem a coragem de dizer que o mangá é recente, o final vou falar eles estão mortos não podem sair a ilha na realidade é uma cúpula que o avó da estrela infantil riquinha quer criar para que possa trazer o exato momento da morte deles invés de morrer eles cairiam na ilha e poderiam ser resgatados tem construções só para eles na ilha que os monstros não atacam tudo aquilo foi criado pensando em mudar o incidente o local mais revelador é a torre da morte de sengoku onde descobrem estarem mortos!
    quem continua o projeto gaiola do éden é a mãe do sengoku depois ela adota uma filha e pede para ela continuar o projeto éden contando que algum dia eles conseguiram traze-los de volta a vida antes deles morrem a historia termina com eles saindo! ah não esquecendo a mãe de sengoku morre anos depois pois levaria cerca de 100 anos para o projeto ficar pronto sengoku e seus amigos zarpam da ilha com intuito de retorna para o Japão muitos personagens surgem e estão vivos. o Marya explica que se eles deixarem a ilha podem morrer já que não existem mais na vida real, mesmo assim sengoku convence a todos a irem depois se passam 20 anos e mostram eles crescidos já como adultos e prontos para zarpar o lugar que eles encontram para viver é na antiga escola é na torre da morte de sengoku e na escola que toda a historia se desenrola termina o mangá com uma fala de sengoku: não importa o que nos reserva o futuro iremos conseguir superar pois estamos juntos! FIM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s